i


...

- - -
- - -- -
- - - - - - -- - - - - EXEMPLAR..- -- - - -- -..B & B - -- - - - - - UM OUTRO BACH? - -- - TRUTAS

Wagner - Parsifal

26.Jul.2007

PARSIFAL
Richard Wagner
.
SOM DO PROGRAMA
(Música: 4min00 / Total: 6min23)

.
No dia 26 de Julho de 1882, Richard Wagner estreou uma das suas mais significativas obras, num extraordinário teatro que ele próprio tinha construído.
Era um homem de personalidade egocêntrica e teve vida turbulenta e ideias radicais, não só quanto à música, mas também em assuntos tão diversos como a religião e a pureza racial.
Tendo-se apropriado do dinheiro e das mulheres dos seus amigos como se a sua condição de génio tudo permitisse, Wagner viveu em mais de uma dúzia de cidades da Europa – por vezes fugido de credores impacientes ou governos enfurecidos. Era anti-semita e xenófobo fanático e os seus caóticos panfletos viriam a ser muito admirados pelo ditador Adolf Hitler.
Apesar deste carácter controverso, Richard Wagner teve um papel primordial na cultura europeia do séc. XX. Revolucionou a ópera, que com ele passou a ser o chamado “drama musical” – combinação perfeita de música, poesia, dança e artes visuais. De entre as suas muitas óperas importantes, Parsifal é um exemplo acabado desta visão multidisciplinar da ópera.
Parsifal, ópera baseada na lenda medieval do “louco inocente” com o mesmo nome, é um drama místico religioso. Tem por tema o confronto entre a sensualidade e a espiritualidade, mas também entre a realização pessoal e a lealdade. Foi a obra que Wagner mais demorou a compor: só a concluiu depois de 20 anos de a ter projectado.
No dia 26.Jul.1882, Parsifal foi finalmente apresentada no Teatro que o próprio Wagner construiu para ter as condições ideais para a ópera: o Teatro do Festival de Bayreuth.
7 meses depois o compositor morreu em Veneza.
.
.
AMANHÃ
Enrique Granados - Dança Espanhola nº 5
.
.
_______________________

*