i


...

- - -
- - -- -
- - - - - - -- - - - - EXEMPLAR..- -- - - -- -..B & B - -- - - - - - UM OUTRO BACH? - -- - TRUTAS

29 - Jon Vickers


Outubro/29


aniversário do nascimento de
Jon Vickers
(1926)


.
* aria "Son Vane Qui Minacce" da ópera "Medea", de Luigi Cherubini
* tenor Jon Vickers & soprano-Maria Callas
.
.
Luigi Cherubini
.
Jonathan Stewart Vickers nasceu em Prince Albert, Saskatchewan, no dia 29 de Outubro de 1926. Foi o sexto, numa família de oito crianças. Em 1950, foi-lhe atribuída uma bolsa de estudo para estudar ópera no Royal Conservatory of Music, em Toronto. Em 1957, juntou-se à companhia da Royal Opera House, Covent Garden, em Londres. Em 1960 passou a fazer parte da Metropolitan Opera, em Nova Iorque.
Ficou famoso interpretando uma grande variedade de papéis, tanto alemães como italianos. Tinha uma voz que cumpria todos os requisitos das óperas wagnerianas, embora a sua filosofia pessoal lhe trouxesse, por vezes, algumas reservas em relação aos personagens de Richard Wagner.
.
Jon Vickers também cantou no La Scala, de Milão, e nas principais salas de ópera de Chicago, São Francisco e Salzburgo. Ainda fez filmes para a televisão das óperas Pagliacci e Otello, ambas com o maestro Herbert von Karajan. A 20 de Dezembro de 1968 foi-lhe atribuído o prémio de “Companheiro da Ordem do Canadá”, pelos seus serviços em prol da música. Vickers era um cantor único, que, essencialmente, criou a sua própria categoria vocal para satisfazer as características da sua voz e personalidade únicas: um grande som cuidadosamente controlado, mas capaz de imenso poder e paixão, uma presença em palco dramática e uma preferência por papéis trágicos e apaixonados em vez dos papéis românticos vazios, tão característicos da maioria do repertório tradicional para tenor.

*