i


...

- - -
- - -- -
- - - - - - -- - - - - EXEMPLAR..- -- - - -- -..B & B - -- - - - - - UM OUTRO BACH? - -- - TRUTAS

12 - Émile Waldteufel

Fevereiro/12

aniversário da morte de
Émile Waldteufel
(1837–1915)

.
.
Émile Waldteufel morreu a 12 de Fevereiro de 1915.

Waldteufel nasceu na Alsácia, numa família de músicos Judeus, em 1837.
O pai tinha uma orquestra e seu irmão Lyon era um músico muito apreciado. Foi por efeito da admissão deste no Conservatório de Paris que a família se mudou para a capital francesa, onde Émile passaria o resto da sua vida.
De 1853 a 1857 estudou piano no Conservatório de Paris, onde foi condiscípulo de Jules Massenet. Durante este tempo, a orquestra do seu pai converteu-se numa das mais famosas de Paris, e ele era frequentemente convidado para tocar na altura de eventos importantes.

Chegou a ser pianista da corte da imperatriz Eugénia, mas com a dissolução do império francês em sequência da guerra franco-prussiana, limitava-se a tocar com a orquestra do pai nos corredores presidenciais do Palácio do Eliseu. Poucos conheciam Émile Waldteufel quando, em Outubro de 1874 o Prícipe de Gales (que veio a ser Eduardo VII) o ouviu e ficou encantado com a valsa “Manolo”. Abriram-se no Reino Unido as portas do sucesso ao compositor de valsas, polcas e música popular – que viria a ficar célebre pela sua Valsa dos Patinadores.

*