i


...

- - -
- - -- -
- - - - - - -- - - - - EXEMPLAR..- -- - - -- -..B & B - -- - - - - - UM OUTRO BACH? - -- - TRUTAS

4 - Gennady Rozhdestvensky

Maio/4
aniversário do nascimento de
Gennady Rozhdestvensky
(1931)

Rozhdestvensky interpreta Shostakovich
Concerto para piano, em dó menor, op. 35
4º and.- Allegro con brio - Presto
.
.
.
Nasceu em Moscovo com o nome de Gennady Nikolayevich Anosov, este filho de um maestro e professor, Nikolay Anosov, com quem aprendeu composição no Conservatório de Moscovo. Apesar disso (ou talvez para melhor se distinguir do pai), adoptou o apelido de solteira da mãe para a sua carreira artística. Famoso quando ainda mal tinha completado 20 anos, por ter dirigido “O Quebra Nozes” no Teatro Bolshoi, muito cedo granjeou prestígio. Estreou diversas obras de compositores soviéticos e fez a première de Sonho de uma Noite de Verão de Benjamin Britten em Moscovo.

Conhecido pela eficiência das suas especiais batutas muito curtas e pelo facto de nunca usar o pódio para reger a orquestra, porque deambula permanentemente pelo palco enquanto dirige, Rozhdestvensky “passeou” pelas grandes salas de todo o mundo uma distinta classe e uma enorme humildade. Portugal foi, de algum modo, testemunha disso, quando, em 2003, um concerto do grande maestro na Fundação Gulbenkian, em Lisboa, foi cancelado porque um segurança o não deixou entrar no recinto – certamente estranhando que uma tão grada personagem chegasse a pé e sozinho…

*